Sexo. Excitando a mulher pelos seus seios

Para excitar e satisfazer a mulher no jogo amoroso, as carícias mais conhecidas são lamber os mamilos, esfregá-los com os dedos ou ponta do pênis, acariciá-los com ambas as mãos e aplicar sobre eles uma sucção suave, com ligeiras mordidinhas nos mamilos... Tudo com muita delicadeza.


As zonas mais sensíveis do peito são os mamilos e as aréolas. Suas formas e seu tamanho variam de uma mulher para outra.

Os mamilos podem ser protuberantes ou escondidos e a aréola (que é a parte que os rodeia) às vezes também é proeminente ou de cor diferente, eventualmente apresenta pelos bem fininhos e textura aveludada. São zonas muito sensíveis que, acariciadas convenientemente, podem gerar um orgasmo dos melhores.

Nem todos os seios são igualmente sensíveis Mas nem todas as mulheres conseguem chegar ao orgasmo com esse tipo de carícias porque nem todos os seios são igualmente sensíveis, e nem todas as mulheres desejam ou suportam o mesmo tipo de carinho com a mesma intensidade. Um homem que deseje ser um mestre na arte de acariciar os seios femininos deve pensar que eles são tão sensíveis de delicados quanto seus testículos.


O tamanho dos seios não influi nas carícias

Não cometa o erro de classificar as mulheres de acordo com o tamanho dos seios e sair agarrando-os de qualquer jeito. O tamanho do seio não tem nada a ver com sua consistência e não indica a sensibilidade, que pode ser muito grande em algumas mulheres e pouca em outras.

Muitas mulheres não são capazes de corrigir o manuseio bruto de seus parceiros e então, o que fazem, é negar qualquer tipo de manipulação. Entre os homens, a maioria tende a acariciar de maneira um tanto brusca os seios grandes, apenas porque não podem resistir ao desejo de possuí-los com as mãos - e não se dão conta de que, enquanto os apertam e esmagam podem estar machucando a parceira.

Entretanto, a maioria das mulheres de seios pequenos percebe que seu parceiro os trata com muito mais cuidado e, provavelmente, são elas que recebem o tratamento que qualquer mulher desejaria na hora do sexo.

O homem que não quer errar deve começar acariciando suavemente a região em volta dos seios, aproximando-se aos poucos das aréolas e mamilos. É fundamental prestar atenção à resposta da parceira e intensificar as carícias de acordo com a excitação dela.

Para terminar, um conselho: todas as mulheres, mesmo as que gostam de carinhos mais enérgicos, agradecerão se você começar com carinhoso, com pegada suave mas firme, e sempre gentil.

O clitóris e os seios estão intimamente conectados
A maioria das mulheres sente que o clitóris (clique aqui para visualizar) e os seios estão intimamente ligados (além de outras partes do corpo) e neles se concentram as sensações eróticas com muita rapidez. É certo: os seios fazem parte da intricada rede neural do clitóris, e se você conseguir estimular a rede completa, sua parceira chegará ao orgasmo com muito mais facilidade.Pense que tocar e brincar com os seios deve ser tão excitante para ela quanto para você. Se ela sentir que você não se preocupa com o prazer dela ou que está por demais preocupado com o seu próprio prazer, possivelmente perderá todo o interesse pela transa e a excitação vai desaparecer. Por isso, o melhor conselho é que vá experimentando e adequando seus carinhos à sensibilidade e ao gosto da companheira


Para conseguir que sua parceira chegue ao céu


Para conseguir que sua parceira chegue ao céu, o conselho de verdade é: use a boca. Confira algumas dicas:

- Percorra com a língua o "botão" do peito. Seus lábios devem apenas tocá-lo. Use a ponta de língua - você poderá medir a eficácia desta e de outras técnicas pela resposta física que sentirá no mamilo. Como o pênis e o clitóris, ele cresce, se afirma e entra em ereção quando a mulher está excitada.

- Introduza todo o mamilo na boca como se fosse o manjar mais delicioso do mundo, pressiona contra os dentes inferiores a ponta da língua e empurre a superfície desta por baixo do mamilo. Pressione com a língua e comece a sugar, enquanto suga o mamilo se esfrega contra o palato e as bordas dos dentes.

Enquanto suga, pressione o mamilo com a língua e dê um "extra" à sensação. Ainda que você se concentre apenas em sugar o mamilo, muita mulheres alcançam o orgasmo desta maneira.

- Você pode também apertar o mamilo entre os dentes (suavemente, lembre-se) e sacudir a cabeça delicadamente. Esta técnica produz uma vibração que estimula e surpreende ao mesmo tempo. Ou tente puxar a cabeça para trás, "esticando" o mamilo. Quase todas as mulheres gostam disso, mas algumas não. Seja prudente.

- Cubra seus dentes com os lábios e pegue o mamilo entre eles, massageie-o suavemente e mova a mandíbula de um lado para outro.

- Faça um círculo os lábios (como se fosse soprar anéis de fumaça) e encaixe sobre o seio, em volta do mamilo, soprando e sugando suavemente, atraindo e expulsando-o da boca.

- Estique bem a língua e coloque-a sobre o mamilo, esfregando com suavidade para cima e para baixo e ao redor do biquinho, em todas as direções. Use toda a língua, incluindo a parte interna. Cada porção causa uma sensação diferente e a melhor carícia é que combina todos os movimento - depois, assopre delicadamente a parte úmida.

O que você não deve fazer

- Apesar de tudo que acabamos de dizer, não se concentre apenas no mamilo. Percorra o peito todo, especialmente a base, que costuma ser desprezada e é, na verdade, uma grande fonte de prazer.

- Nunca morda. Uma coisa é uma carícia suave com os dentes, outra bem diferente é uma mordida que pode deixar marcas, além de ser dolorosa. - Enquanto estiver acariciando um dos seios, não descuide do outro.