Sexo. A Iniciação No Sexo Anal.

A prática do sexo anal é provavelmente o maior tabu sexual existente em nossa sociedade. A penetração pelo ânus soa para algumas pessoas como uma prática cruel e suja. A sua reputação ficou pior ainda nas últimas décadas devido ao surgimento do HIV, que é facilmente transmitido pelo sexo anal desprotegido. Apesar de tudo isso, algumas pessoas adoram a prática do sexo anal. Outras odeiam. E outras nunca tentaram ainda e são curiosas.


O sexo anal não deve ser dolorido. Se doer, é porque vocês estão fazendo algo de errado. A falta de preparativos é, provavelmente, a causa das doloridas tentativas do sexo anal. Com lubrificante, camisinha e paciência suficiente, é totalmente possível incluir o sexo anal em sua vida sexual com segurança e prazer. Mesmo assim, há pessoas que não curtem, e se seu parceiro ou parceira for uma dessas pessoas, respeite seus limites e não os force.

O prazer do sexo anal é derivado de muitos fatores. O próprio tabu é uma delas. Certas pessoas sentem prazer em fazer algo considerado "errado" pela sociedade. Mudar a rotina de uma vida sexual que se tornou entediante pode ser outro fator. As sensações físicas dessa prática são totalmente diferentes de quaisquer outras sensações. O reto possui vários nervos muito sensíveis que podem dar muito prazer à certas pessoas.


Primeiro passo: auto-conhecimento
Para as pessoas irão receber o sexo anal e que nunca a fizeram antes, a primeira e melhor coisa a se fazer é explorar o seu ânus sozinha(o). Para poder ter prazer nessa prática, você precisa aprender a ter controle sobre sua mente. Se você ficar tensa(o), os músculos em volta de seu ânus também ficarão, e nada irá ser capaz de penetrá-lo.

A melhor ocasião para explorar seu ânus é em uma banheira ou no chuveiro. Pressione-o com os dedos e veja quais sensações lhe proporcionam. Se estiver relaxada, passe um pouco de lubrificante em seu dedo e comece a enfiá-lo com cuidado para dentro do ânus. Não se esqueça de ter as unhas bem aparadas, pois elas poderiam facilmente arranhar o tecido interior do reto. Não tenha pressa. O importante é relaxar e sentir as sensações.
Quando sentir-se confortável com a situação, você pode fazer tal exploração com seu parceiro.

Para a pessoa que vai fazer a penetração
Caso você e sua parceira decidam tentar uma relação anal, o mais sensato é começar pelas preliminares. Aos poucos, conforme ela for ficando mais relaxada com a situação, coloque um pouco de lubrificante em seus dedos e comece à passá-los sobre o ânus de sua parceira, estando sempre alerta à suas reações.
Aos poucos, e, com muito cuidado, comece enfiar o dedo no ânus e massagei-o com movimentos circulares. Se não conseguir enfiar seu dedo, sua parceira deve ainda deve estar um pouco tensa. Converse com ela, e talvez vocês tenham de adiar a tentativa.
Caso ela não esteja tensa, prossiga para a penetração do pênis. Lembre-se de usar sempre uma camisinha e lubrificante à base de água. A penetração inicial é sempre a mais difícil, pois o ânus é uma abertura bem apertada. Comece com movimentos lentos até ela se acostumar com o pênis em seu ânus. Não se esqueça de estar sempre alerta à suas reações.